Um dos mais delicados momentos econômicos da história recente no Brasil coincide com uma já presente realidade, fruto da evolução tecnológica em diversos campos: a Terceira Revolução Industrial. Não quero me adentrar no assunto que levou o livro de mesmo nome (The Third Industrial Revolution; How Lateral Power is Transforming Energy, the Economy, and the World, de Jeremy Rifkin) a entrar na lista dos best sellers do The New York Times em 2011. A revista Economist talhou com precisão ao dizer: “Como todas as revoluções, esta será turbulenta”. 

O modo com que os produtos e serviços já estão sendo oferecidos mudou e continuará mudando. A descentralização da capacidade de produzir coisas, antes centralizadas em grandes indústrias, lateraliza as possibilidades e dá autonomia a pessoas e estruturas menores customizarem produtos, fabricarem para nichos cada vez mais restritos e enviar para qualquer parte do mundo. O campo da energia, até hoje dominado e monopolizado por governos e grandes grupos econômicos, está passando pela mesma revolução. Na área  das energias renováveis, temos disponíveis aplicações comercialmente viáveis para que as pessoas, empresas, prédios, etc, produzam sua própria energia, rompendo com o tradicional monopólio onde nossa única opção era pagar qualquer tarifa que decidissem cobrar, e ponto final.
Os consumidores terão muito pouca dificuldade em se adaptar à essa nova era de descentralização, autonomia e acesso a produtos melhores e rapidamente enviados. Os Governos, entretanto, podem achar mais difícil. Seu instinto é proteger as indústrias e companhias que já existem(e seus financiamentos de campanha), e não as novas que podem destruí-las. Enchem as antigas indústrias e setores (como o de energia) de incentivos e tentam frear a tendência sem volta da descentralização do poder de produzir coisas, de gerar energia!

A figura acima ilustra graficamente o potencial energético das fontes de energias renováveis por ano, comparando-o com o total estimado das reservas de energia de combustíveis fósseis(incluindo a nuclear). Os resultados dessa comparação são sensacionais! O consumo de energia global anual em 2009 foi estimado em 16TW-anos (ou 140.160.000.000 Kw/h), ilustrado pela esfera laranja na extremidade esquerda.
As esferas do lado direito representam a quantidade total estimada das reservas de combustíveis do planeta (combustíveis fósseis – Gás Natural, Petróleo, Carvão – e nuclear, à partir do Urânio), uma reserva finita! O total de energia que o planeta tem em suas reservas, exploradas pelos grandes players é de aproximadamente 1655 TW-anos. Aos níveis de 2009, os combustíveis fósseis sozinhos poderiam durar por mais 100 anos; considerando a tendência demográfica e econômica global de expansão, estima-se que a demanda de energia global aumente em 30% até 2040, fazendo com que as reservas de combustíveis fósseis durem menos e seus preços aumentem.
As esferas centrais representam o potencial de energia das fontes renováveis POR ANO! Podemos ver que a a energia eólica, de biomassa, térmica das marés (OTEC), hidráulica, geotérmica e das marés juntas totalizam 98TW-hrs/ano, enquanto somente a solar em um ano tem o fantástico potencial de fornecer 23.000TW-hrs (esfera grande amarela)! E você acha justo ainda ser obrigado a pagar o que pedem pela energia que você precisa? Guarde essa informação: a quantidade de energia renovável tem potencial para fornecer ANUALMENTE mais de 10 vezes a quantidade total de energia fóssil de todas as reservas do planeta!
 “I’d put my money on the sun and solar energy. What a source of power! I hope we don’t have to wait until oil and coal run out before we tackle that.” (Eu colocaria meu dinheiro no sol e na energia solar. Que fonte de energia! Eu espero que não tenhamos de esperar o óleo e carvão esgotarem para investirmos nela.) Thomas Edison, 1931

É pensando nesse cenário e nos altos preços cobrados pela energia no Brasil que a Solexor buscou parceria com empresas de destaque nos países onde as tecnologias solares estão mais desenvolvidas no mundo como a Suiça, Alemanha, Itália, EUA, entre outros. Seja na Indústria, Comércio ou em sua Residência, a Solexor surpreenderá você com as tecnologias mais confiáveis, simples, garantidas e financeiramente interessantes para cada aplicação !